Brócolos ajudam a combater os efeitos dos raios ultravioletas

Estudo publicado na revista PNAS

02 novembro 2007
  |  Partilhar:

 

O consumo de brócolos pode ajudar a combater os efeitos da radiação ultravioleta, segundo um estudo divulgado na revista “Proceedings of the National Academy of Sciences” (PNAS).
 

 

Especialistas da John Hopkins University, EUA, anunciaram que o extracto das sementes dos brócolos, denominado sulforafane, reduz o endurecimento e as lesões da pele e aumenta a produção de enzimas que protegem as células da radiação.
 

 

Os brócolos contêm um índice elevado de hidratos de carbono, vitamina C, vitamina A, potássio, ácido fólico cálcio e ferro, que ajudam no combate a várias doenças. Este vegetal contém também antioxidantes e fibras que impedem o aumento do colesterol e ajudam a regular o nível de açúcar e da insulina no sangue.
 

 

O grupo de especialistas administrou extracto de sementes de brócolos a seis pessoas, em doses diferentes e em várias partes da pele anteriormente exposta à radiação ultravioleta, e compararam a sua evolução com as zonas do corpo não tratadas. Segundo o estudo, nas duas doses mais elevadas, o extracto reduziu o endurecimento e a inflamação da pele em cerca de 37%.
 

 

Os investigadores adiantam que a descoberta pode ser particularmente importante para os indivíduos com problemas no sistema imunitário e com risco acrescido de vir a sofrer de Cancro da Pele.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.