Biólogo português ganha Prémio de Novo Inovador dos National Institutes of Health

Investigador recebe 1,5 milhões de dólares

26 setembro 2008
  |  Partilhar:

O biólogo português Miguel Ramalho-Santos acaba de ganhar o Prémio de Novo Inovador, atribuído pelo National Institutes of Health, dos Estados Unidos, no valor de 1,5 milhões de dólares.
 

 

O prémio destina-se a apoiar, durante os próximos cinco anos, a investigação em células estaminais embrionárias desenvolvida pelo cientista, no laboratório que dirige, nos Estados Unidos.
 

 

Actualmente, Miguel Ramalho-Santos é docente da Faculdade de Medicina da Universidade da Califórnia, em San Francisco, Estados Unidos, sendo professor assistente no Instituto de Medicina da Regeneração.
 

 

A sua investigação centra-se no controlo e função das células estaminais embrionárias, com implicações para a biologia, medicina regenerativa e cancro, adiantou à Agência Lusa fonte do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. Os seus trabalhos têm sido publicados em várias revistas científicas de referência na área, nomeadamente a "Cell Stem Cell" e a "Gene Therapy".
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.