Bebida alcoólica ilegal mata na Índia

37 morreram e uma centena recebeu atendimento hospitalar

03 janeiro 2005
  |  Partilhar:

 

 

Uma bebida alcoólica ilegal vendida na semana passada num subúrbio de Bombaím, na Índia, causou a morte a pelo menos 37 pessoas e obrigou mais de 90 outras a receber tratamento hospitalar.
 

 

As primeiras vítimas começaram a ocorrer aos hospitais, queixando-se de tonturas e vómitos depois de terem ingerido a bebida ilegal num bar clandestino instalado num bairro pobre de Vikhroli, nos subúrbios de Bombaím.
 

 

De acordo com fontes médicas, pelo menos 37 dos 128 homens que deram entrada nos hospitais locais acabaram por não resistir e morrer, enquanto vários outros estão em estado bastante débil, pelo que o número de vítimas pode vir a aumentar.
 

 

Até agora, as autoridades ainda não puderam confirmar a composição da bebida, sendo que os médicos que assistiram os doentes suspeitam que possa tratar-se de álcool metílico misturado com químicos mortais. No mês passado, um caso idêntico causou a morte a outras 18 pessoas em Bombaím.
 

 

Fonte: Diário de Notícias
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.