Bebés nascidos com peso elevado mais propensos a obesidade

Estudo publicado na “Pediatric Obesity”

14 julho 2017
  |  Partilhar:
Os bebés com peso elevado à nascença apresentam uma maior probabilidade de virem a ser crianças obesas, indicou um estudo recente.
 
Conduzido pela Faculdade de Medicina da Universidade da Virginia, EUA, o estudo teve como base a análise de dados de 10.186 crianças nascidas naquele país.
 
Foi verificado que as crianças que tinham nascido com um peso elevado, ou seja, com mais de 4,500 quilogramas, apresentavam uma propensão 69% maior de serem obesos com idade pré-escolar e até ao segundo ano de escolaridade, em comparação com crianças nascidas com o peso normal.
 
Os investigadores apuraram ainda que 23,1% das crianças nascidas com peso elevado eram obesas no segundo ano de escolaridade. Por outro lado, entre as crianças nascidas com peso normal o índice de obesidade era de 14,2% naquela idade.
 
Relativamente aos bebés nascidos prematuramente, 27,8% dos que tinham um peso elevado para a idade gestacional ao nascerem eram obesos, sendo que dos que tinham nascido com o peso esperado apenas 14,2% eram obesos. 
 
Os bebés prematuros que tinham nascido com um peso abaixo do esperado apresentavam um índice de obesidade de 28%. 
 
A equipa verificou que aquelas percentagens se mantinham mesmo após considerarem fatores como o estatuto socioeconómico das crianças.
 
Perante os resultados, os investigadores sugerem que os pediatras aconselhem os pais de bebés nascidos com um peso elevado sobre hábitos de estilo de vida que evitem que os bebés ganhem peso excessivo, como a prática de atividades físicas, menos tempo a ver televisão e adotarem uma alimentação saudável.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.