Bactéria mortal obriga a retirada de carne do mercado norte-americano

Autoridades temem contaminação com Escherichia coli

29 junho 2003
  |  Partilhar:

O departamento de Agricultura norte-americano deu a conhecer no domingo que um importante produtor retirou do mercado 334 mil quilos de carne congelada por se temer a sua contaminação com uma bactéria mortal, a Escherichia coli.
 

 

A medida foi adoptada depois dos funcionários da Saúde Pública terem identificado cinco casos de infecções com aquela bactéria no Estados do Minnesota, Kansas e Michigan.
 

 

A empresa que tem sede em Chicago, Stampede Mett, declarou que a carne, a maioria dela congelada, foi tratada para ser comercializada entre 17 e 22 de Março. A mercadoria foi vendida a restaurantes, a comerciantes e a outras instituições norte-americanas, assim como a certas zonas do Canadá.
 

 

Os funcionários da Saúde Pública e o Centro de Controlo e de Prevenção de Doenças dos EUA estão a investigar o caso. A bactéria pode ser mortal e tem como sintomas principais a diarreia e a desidratação.
 

 

Fonte: Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.