AVCs causam danos passados apenas três minutos

Estudo publicado no "Journal of Neuroscience"

05 março 2008
  |  Partilhar:

Um estudo publicado no "Journal of Neuroscience" revela que, em certos casos, são necessários apenas três minutos depois de um AVC para provocar danos graves.
 

 

O estudo da University of British Columbia, em Vancouver, questionou a crença comummente aceite de que todos os AVC’ s podem ser tratados dentro das primeiras três horas depois da sua ocorrência.
 

 

A equipa, liderada Tim Murphy , provocou AVCs em ratinhos, bloqueando a passagem de sangue no cérebro. Ao mesmo tempo, foram usados equipamentos de alta tecnologia para criar uma "película" que revelasse o impacto causado.
 

 

O estudo mostrou que uma restauração rápida do fluxo sanguíneo nas cobaias pode reverter a maior parte dos danos cerebrais, mas 6% das ligações neuronais jamais voltam ao seu estado normal.
 

 

A janela de três minutos antes do dano cerebral por AVC não dá tempo suficiente sequer para que as pessoas peçam ajuda, explicou o cientista, alertando para o reforço da prevenção da doença.
 

 

Os factores de risco para um AVC incluem tabagismo, excesso de peso, sedentarismo, alcoolismo, diabetes, stress e colesterol alto.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.