Avaliada alteração à Lei da Transplantação

Doação entre cônjuges e transplante com dador vivo passam a ser possíveis

05 dezembro 2005
  |  Partilhar:

 

O ministro da Saúde anunciou na semana passada que a lei da transplantação vai permitir a doação de órgãos entre cônjuges e o transplante com dador vivo. António Correia de Campos também comunicou que os mecanismos de alteração da lei sobre os transplantes já foram accionados.
 

 

O ministro da Saúde sublinhou, no entanto, que a lei só vai ser alterada quando for encontrado um consenso na matéria. Uma proposta de alteração da lei já foi enviada à Organização Portuguesa de Transplantes. A alteração da Lei vai permitir a doação de órgãos entre cônjuges, bem como a doação com dador vivo, uma intervenção até agora só possível em Coimbra, a nível pediátrico, e que o Hospital Curry Cabral se prepara para iniciar.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.