Autistas: Por que se sentem intimidados?

Olhar directo é visto como uma ameaça

27 março 2005
  |  Partilhar:

 

 

Pela primeira vez, investigadores conseguiram explicar, com base na neurologia, por que razão os autistas evitam o olhar directo com alguém, mesmo quando a troca de olhares é feita num contexto positivo.
 

 

De acordo com um estudo feito com ressonância magnética funcional pela Universidade de Wisconsin em Madison, nos Estados Unidos, a amígdala, descrita como o centro das emoções do cérebro, tem uma actividade excessiva nos autistas quando estes são confrontados com um olhar directo.
 

 

Os cientistas concluíram também que, devido ao facto de as crianças autistas evitarem o olhar directo, a amígdala, que tem um papel crucial no reconhecimento facial e na leitura das emoções na expressão facial, é menos activa do que numa criança com um desenvolvimento normal. No entanto, o estudo, publicado este mês na revista Nature Neuroscience, recusa a tese de que estas crianças não reconhecem bem os rostos porque têm a amígdala subdesenvolvida. Nas crianças autistas, a amígdala é igual à das outras pessoas.
 

 

Fonte: Público
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.