Autismo afecta todo o cérebro

Estudo publicado na Child Neuropsychology

10 outubro 2006
  |  Partilhar:

Um estudo desenvolvido pelo National Institutes of Health (NIH) dos EUA descobriu que o Autismo tem efeitos mais amplos do que se imaginava, referem os investigadores num artigo publicado na revista Child Neuropsychology. O estudo comparou 56 crianças autistas com 56 outras crianças que não tinham a doença, entre os 8 e os 15 anos. Enquanto as crianças com Autismo - que sabiam ler, falar e escrever – obtiveram resultados tão bons ou até melhores que as restantes crianças em testes básicos, tinham, no entanto, dificuldades nas tarefas mais complexas. Os autistas tiveram um excelente desempenho quando lhes foi pedido que encontrassem objectos pequenos numa figura cheia de desenhos, como o personagem principal nos livros "Onde está o Wally?". Por outro lado, eles achavam extremamente difícil identificar as diferenças entre imagens de pessoas parecidas. Os autistas também tiveram bons resultados em gramática e nos ditados, mas não conseguiam entender figuras de estilo (linguísticas) e tinham problemas de caligrafia. A especialista em Neurologia e Psiquiatria da School of Medicine na University of Pittsburgh (EUA), Nancy Minshew, que liderou o estudo, explica que “o trabalho revela fortes indícios de que o Autismo não é um perturbação de interacção social, mas uma problema global, que afecta a maneira como o cérebro processa a informação que recebe - especialmente quando a informação é mais complexa”. A mesma equipa já tinha descoberto, através de exames à estrutura cerebral, que os autistas apresentam anormalidades nas ligações neurológicas. Isso explicaria por que as crianças do estudo tinham bons resultados em testes que utilizavam apenas uma parte do cérebro, enquanto apresentavam resultados medíocres nos testes mais complexos. MNI-Médicos Na Internet

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.