Ataque a vírus causadores de alguns tipos de tumores pode ser uma boa estratégia

Estudo apresentado na revista PloS One

05 novembro 2007
  |  Partilhar:

Cientistas norte-americanos demonstraram pela primeira vez que muitos tipos de tumores podem ser combatidos com um ataque directo aos vírus que causam a doença, indicou um estudo publicado na revista PloS One.
 

 

Segundo os cientistas da Yeshiva University, em Nova Iorque, o resultado prevê a possibilidade de prevenir a doença pela destruição das células infectadas antes de se transformarem em cancerosas.
 

 

Quase 20% dos tumores no ser humano tem como principal origem infecções virais. Entre eles o Cancro do Fígado, causado pelos vírus da Hepatite B e C, o do colo do útero, causado pelo HPV (Vírus do Papiloma Humano), e certos tipos de linfomas.
 

 

Os investigadores utilizaram uma técnica de radioimunoterapia, inserindo radioisótopos nos anticorpos que reconhecem uma proteína específica dos vírus e destroem a célula onde esta se encontra.
 

 

Para testar a teoria, os cientistas usaram ratinhos e inseriram o radioisótopo rhenium em anticorpos direccionados a um antígeno que se manifesta em todas as células do Cancro do Colo do Útero.
 

 

A mesma técnica foi também utilizada contra o cancro do fígado inserindo o mesmo radioisótopo em anticorpos contra o HBx, um antígeno viral das células cancerosas que aparecem no fígado.
 

 

Segundo os cientistas, nos dois casos a radioimunoterapia reduziu, de maneira considerável, o crescimento de tumores em comparação com os roedores não tratados.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.