Astronautas voltam aos exames médicos no Espaço

Tripulação do vaivém Columbia retoma experiências cardiorespiratórias

24 janeiro 2003
  |  Partilhar:

Os astronautas do vaivém Columbia vão retomar as experiências de adaptação cardiovascular e muscular organizadas pela equipa de investigadores liderada pelo português Manuel Paiva, confirmou o cientista à Agência Lusa.
 

 

Depois dos testes realizados no início da missão STS-107 (lançada a 16 de Janeiro), que a tripulação executou «muito bem», a repetição das experiências em microgravidade a meio da viagem vão iniciar-se quando forem cerca de 17:00 horas em Houston, Texas, disse Manuel Paiva.
 

 

Entre as mais de 80 experiências científicas norte- americanas e europeias agendadas para os 16 dias da missão, os astronautas do Columbia estão a utilizar um novo Sistema Avançado de Monitorização Respiratória (ARMS, sigla em inglês).
 

 

Coração e pulmões
 

 

Para medir a redução do líquido pulmonar - a exemplo do que acontece com o nível de sangue ou com as massas muscular e óssea - durante a permanência no espaço, os astronautas têm de respirar uma mistura de seis gases em «quantidades mínimas»: monóxido de carbono, hexafloreto de enxofre, acetileno, nitrogénio, oxigénio e clorofluorcabonetos.
 

 

Além de testar as funções cardíacas e pulmonares no espaço, pretende-se compreender também de que forma as viagens espaciais afectam os vasos sanguíneos.
 

 

Os primeiros resultados provisórios deverão ser conhecidos dentro de dois meses, admitiu o investigador, frisando que serão necessários alguns anos até que os conhecimentos a adquirir agora possam ser utilizados no dia a dia dos cidadãos.
 

 

Manuel Paiva, físico português naturalizado belga, é o director do Laboratório de Física Biomédica da Universidade Livre de Bruxelas (ULB) e professor na Faculdade de Medicina da ULB.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.