Arábia Saudita lança campanha contra a sida

Cerca de 30 por cento das vítimas são mulheres

13 agosto 2002
  |  Partilhar:

O governo da Arábia Saudita vai lançar uma campanha para consciencializar a população deste conservador reino árabe sobre os perigos da sida, informou esta segunda-feira a imprensa local. «A campanha terá como objectivo explicar às pessoas como pode expandir-se o vírus e quais os meios para o evitar», disse o subsecretário do Departamento de Medicina Preventiva do Ministério da Saúde, Yacub al Mazrui.
 

 

De acordo com o Ministério da Saúde do país, cerca de 30 por cento das vítimas de sida na Arábia Saudita são mulheres e as principais causas da multiplicação do vírus relacionam-se com relações sexuais fora do matrimónio e com transfusões de sangue contaminado.
 

 

O reino petrolífero aplica de forma muito estreita a lei islâmica «sharia», segundo a qual os acusados de violação e homossexualidade são condenados à decapitação em público, enquanto as mulheres casadas acusadas de ter relações extra-conjugais são lapidadas.
 

 

Fonte:Diário Digital
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.