Aquisição de vacinas para a gripe A vai custar 45 milhões de euros

Decisão apresentada pela ministra da Saúde

19 julho 2009
  |  Partilhar:

Uma verba de 45 milhões de euros foi aprovada pelo governo para a aquisição de três milhões de vacinas contra a gripe A, o que corresponde a seis milhões de doses. As vacinas deverão estar disponíveis o mais tardar em Janeiro, anunciou a ministra da Saúde.

 

Em declarações à agência Lusa, Ana Jorge revelou que Portugal vai “poder ter capacidade de vacinar gratuitamente todos os grupos considerados de risco, numa altura em que as vacinas já estejam disponíveis para serem utilizadas”.

 

A ministra adiantou que as vacinas só deverão estar prontas para serem usadas em Dezembro ou no início de Janeiro. “Não sabemos ainda exactamente quando estarão concluídos todos os procedimentos de produção das vacinas, assim como os ensaios clínicos necessários para que seja ministrada em condições de segurança”, acrescentou.

 

De acordo com as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), “as vacinas vão ser dadas gratuitamente a todas as pessoas, que terão de fazer duas doses”, referiu a ministra da Saúde.

 

“Estes três milhões de vacinas vão contemplar todos os grupos de risco e ainda uma margem para poder haver vacinação para outros grupos que forem necessários vacinar. Não haverá necessidade de fazer a vacinação a toda a população, porque é considerado que este grupo é suficiente para conter a propagação da epidemia”, afirmou Ana Jorge.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.