Apenas 15% das crianças infectadas por HIV recebe tratamento

Especialistas lançam alerta em conferência

23 agosto 2007
  |  Partilhar:

 

Apenas 15% das crianças do mundo inteiro infectadas com o vírus da Sida recebem o tratamento de que necessitam, segundo dados apresentados na Conferência sobre Patogenias e Tratamento do HIV/ Sida, realizada recentemente em Sydney, Austrália.
 

 

Anthony Fauci, director do National Institute of Allergy and Infectious Diseases, dos EUA, explicou que todos os anos nasce cerca de meio milhão de crianças em todo o mundo infectadas com o vírus HIV. O especialista adiantou que essas crianças não desenvolvem o seu sistema imunitário no primeiro ano de vida, o que as torna mais susceptíveis a infecções graves e dificulta o processo de contenção do desenvolvimento da Sida.
 

 

Estas intervenções foram sustentadas, durante a Conferência, por uma investigação que assegura que uma rápida identificação da infecção por HIV e a iniciação do tratamento com anti-retrovirais leva a uma redução de 75% da mortalidade nos bebés infectados.
 

 

Annette Sohn, professora de University of California, em San Francisco, EUA, apelou aos laboratórios farmacêuticos para que produzem medicamentos específicos para crianças.
 

 

Fonte: Imprensa Internacional
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.