Antidepressivos são ineficazes no tratamento da anorexia

Trabalho publicado no JAMA

18 junho 2006
  |  Partilhar:

 

Os antidepressivos podem ser inócuos no tratamento da anorexia nervosa, revela um estudo norte-americano publicado no Journal of the American Medical Association (JAMA).
 

 

"As descobertas actuais, juntamente com as de estudos publicados anteriormente, indicam que a prática comum de prescrever medicamentos antidepressivos provavelmente não traz benefícios substanciais para a maioria dos pacientes com anorexia nervosa, tanto quando estão abaixo do peso, como com ganho de peso imediato", concluiu Timothy Walsh, o líder da investigação, no trabalho publicado no JAMA.
 

 

Este último estudo - o maior do tipo – foi realizado com 93 mulheres com idades entre 16 e 45 anos, que recuperaram o peso normal durante a hospitalização. As pacientes foram submetidas a 12 meses de terapia cognitiva comportamental e receberam aleatoriamente um placebo ou o antidepressivo fluoxetina que tem mostrado eficácia no tratamento da bulimia, um outro Distúrbio do Comportamento Alimentar(DCA).
 

 

O estudo descobriu não existirem diferenças no resultado entre as pacientes. "De acordo com estes dados, os esforços terapêuticos deveriam estar mais voltados para intervenções psicológicas e comportamentais para as quais há alguma, embora modesta, evidência de eficácia", escreveram os autores no artigo.
 

 

Os investigadores reforçam, no entanto, que serão necessárias novas investigações sobre a utilidade de novos tratamentos psicológicos, medicamentos psicotrópicos e não-psicotrópicos.
 

 

A anorexia é um DCA que afecta principalmente mulheres jovens que temem de forma obsessiva o excesso de peso e abusam das dietas, levando-as à hospitalização e às vezes, à morte.
 

 

Uma em cada 200 mulheres de países em desenvolvimento já desenvolveu algum estádio da doença, que tem uma das taxas de mortalidade mais altas e a maior taxa de suicídio de qualquer doença psiquiátrica, segundo informações citadas no editorial que acompanha o artigo.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.