Antidepressivos na gravidez aumentam risco de aborto espontâneo em 64%

Estudo publicado no “Canadian Medical Association Journal”

03 junho 2010
  |  Partilhar:

O risco de aborto espontâneo é 64% maior em grávidas que tomam antidepressivos, aponta um estudo publicado no “Canadian Medical Association Journal” (CMAJ).

 

Os antidepressivos são amplamente utilizados durante a gravidez. Este estudo refere que 3,7% das grávidas irão necessitar do fármaco, pelo menos, no primeiro trimestre da gravidez e que a interrupção da medicação pode resultar numa recaída da depressão, colocando em risco a mãe e o bebé. Contudo, os estudos sobre o tema realizados até ao momento debruçaram-se principalmente sobre os efeitos que a toma de antidepressivos na gravidez poderia ter nos bebés.

 

Neste amplo estudo, investigadores da Universidade de Montreal, no Canadá, quiseram verificar a associação entre o uso de antidepressivos durante a gravidez, incluindo classes, tipos e dosagens, e o risco de aborto.

 

O trabalho consistiu na análise de 5.124 mulheres grávidas que tinham sofrido uma interrupção espontânea da gravidez até à 20ª semana e um grupo de controlo que manteve uma gravidez normal até ao parto. O estudo verificou que, entre as mulheres que abortaram, 284 (5,5%) tinham tomado antidepressivos durante a gravidez.

 

Para a autora do estudo, Anick Bérard, os resultados apontam uma forte relação entre a nova classe de antidepressivos denominados “inibidores selectivos de recaptação da serotonina” (ISRS) e o aumento do número de casos de aborto.

 

No estudo, os investigadores reforçam que o médico, em conjunto com a paciente, deve avaliar e discutir os benefícios e malefícios da toma de antidepressivos durante a gravidez.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.