Antibióticos podem causar asma em crianças

Estudo da University of British Columbia

16 março 2006
  |  Partilhar:

 

O tratamento com antibióticos em crianças com menos de um ano de idade pode aumentar o risco de virem a sofrer de asma durante a infância, revela um estudo realizado na University of British Columbia, em Vancouver, Canadá.
 

 

O estudo mostra que a exposição a antibióticos durante o primeiro ano de vida pode provocar asma mais tarde na infância. Os investigadores também sugerem que pode haver uma relação entre a dosagem de antibióticos, aumentando o risco de asma com o aumento de tratamentos.
 

 

No entanto, os cientistas referem que os resultados foram baseados em casos onde a asma causou infecções respiratórias, episódios que levaram a uma maior utilização de antibióticos.
 

 

Os investigadores estudaram 12 082 crianças de 1 a 18 anos de idade, numa meta-análise, na qual foram identificados 1817 casos de asma. Ao todo, a prevalência de asma associada a antibióticos era duas vezes mais comum em crianças tratadas uma vez com antibióticos do que nas crianças que não foram tratadas.
 

 

A equipa também analisou cinco estudos que incluíram, ao todo, a análise de 27 167 crianças e verificou que o risco de desenvolver asma aumentou 1,16 vezes com cada tratamento. Os autores do estudo sugerem que se efectuem mais estudos aprofundados para estabelecer definitivamente a ligação entre antibióticos e asma infantil.
 

 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.