Ansiedade não dificulta sucesso de Fertilização “in vitro”

Estudo publicado no “Human Reproduction”

17 fevereiro 2009
  |  Partilhar:

A ansiedade e a depressão não influenciam a eficácia dos tratamentos de fertilização “in vitro” (FIV), nem estão relacionadas com a taxa de desistências do tratamento, de acordo com um estudo publicado na revista “Human Reproduction”.
 

 

O estudo, realizado pelo Centro Médico Nijmegen da Universidade de Radboud, na Holanda, teve por base a análise de questionários preenchidos por 421 mulheres.
 

 

Os investigadores, liderados por Bea Lintsen, verificaram que os níveis de ansiedade e depressão antes e durante o tratamento eram semelhantes tanto nas mulheres que conseguiram engravidar, como nas que não tiveram sucesso.
 

 

No que concerne à ansiedade provocada pelo tratamento, também não foram encontradas diferenças relevantes. Segundo os autores, as desistências da FIV estavam associadas à duração do tratamento e as mais baixas taxas de êxito relacionavam-se com a idade mais avançada da mulher.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.