Anemia aumenta o risco de morte em pacientes com insuficiência cardíaca

Estudo publicado na revista “Congestive Heart Failure”

15 junho 2009
  |  Partilhar:

A presença de anemia em pacientes com insuficiência cardíaca crónica pode aumentar o risco de morte, revela um estudo publicado na revista científica “Congestive Heart Failure”.
 

A anemia estará associada a uma pior função e a uma menor fracção ventricular esquerda – medidas objectivas do funcionamento do coração.

 

Avaliando dados da literatura que foi publicada sobre o impacto da anemia no problema cardíaco, que identificou mais de 97 mil pacientes com insuficiência cardíaca crónica, os especialistas verificaram que, quando a anemia ocorre, o prognóstico do paciente piora, aumentando a probabilidade de ele ser hospitalizado ou de morrer.

 

Segundo o investigador Lexin Wang, um dos autores do estudo, citado pelo sítio Eurekalert, mesmo com os tratamentos actuais, a taxa de mortalidade permanece alta entre os doentes com insuficiência cardíaca crónica, alcançando os 40% em pacientes severamente doentes.

 

Por causa da clara associação entre as duas condições, o tratamento da anemia, combinado com outras terapias para a insuficiência cardíaca, poderia reduzir a mortalidade e melhorar o prognóstico dos pacientes. Por isso, o investigador lança um aviso: "Os profissionais de saúde precisam de melhorar as práticas actuais e tratar melhor a anemia em pacientes com insuficiência cardíaca crónica".

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.