Andarilhos atrasaram o crescimento dos bebés...

...e também correm um maior risco de quedas

27 janeiro 2005
  |  Partilhar:

 

 

Bebés que usam andarilhos para dar os primeiros passos podem demorar mais tempo a desenvolverem-se.
 

 

Uma equipa de médicos irlandeses recomenda aos pais para não colocarem os seus bebés em andarilhos, dado existirem indícios de que esse recurso pode atrasar o crescimento do bebé.
 

 

«As crianças que usaram andarilhos tiveram mais dificuldade em gatinhar, andar e parar _enquanto estavam a andar _ do que as outras que nunca os utilizaram», alertaram os médicos.
 

 

O atraso no desenvolvimento, segundo os especialistas, pode dever-se ao tempo que a criança passou nos andarilhos, por ironia destinados a ensiná-la a andar. «Percebemos um forte vínculo entre a duração do uso do andarilho e o grau de atraso no desenvolvimento da criança», disse Mary Garrett, do Hospital Mater de Dublin, numa informação publicada no British Medical Journal.
 

 

Os investigadores entrevistaram os pais de 190 bebés sem problemas físicos ou mentais para saber quanto tempo passaram em andarilhos e a data a que chegaram a actividades normais de desenvolvimento infantil.
 

 

Os bebés que não usaram andarilhos começaram a gatinhar e andar sozinhos quase quatro semanas antes das crianças habituadas a estes aparelhos. Além de poder retardar o desenvolvimento da criança, aponta o comunicado, os andarilhos também aumentam o risco de o bebé sofrer lesões.
 

 

Traduzido e adaptado por:
 

Paula Pedro Martins
 

Jornalista
 

MNI-Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.