Aminoácido tem papel importante na luta contra as infecções

Estudo publicado na revista “Science Signalling”

01 setembro 2010
  |  Partilhar:

A arginina, um aminoácido essencial, precursor do óxido nítrico, tem sido associada à redução de várias doenças. Desta vez, cientistas da University of Alberta, no Canadá, descobriram mais um benefício da arginina no combate às infecções.

 

Várias investigações têm relacionado o consumo deste aminoácido com, por exemplo, a redução da pressão arterial. Neste estudo, publicado na revista “Science Signalling”, os investigadores deram mais um passo na explicação de como a nutrição tem um papel importante na luta contra as infecções.

 

Em comunicado de imprensa, os cientistas explicaram que a arginina é necessária para que o sistema imunitário saiba quando está a ser atacado por uma infecção.

 

Embora a investigação, liderada por Richard Lamb e Virginie Mieulet, esteja numa fase inicial, a descoberta poderá ter implicações no tratamento de milhões de pessoas, nomeadamente as que vivem em países do terceiro mundo, onde os alimentos não abundam e, como consequência de uma alimentação deficiente, ficam mais propensas a contrair infecções.

 

Numa pessoa saudável, os macrófagos são as primeiras células a chegar ao local da infecção. Além de processarem as células infectadas, apresentam os antigénios à sua superfície que são reconhecidos por outras células do sistema imunitário, que atrai mais células a combaterem a área afectada.

 

É sabido que a arginina é essencial para a função dos macrófagos, mas até agora ninguém tinha percebido que a arginina tem um papel muito mais importante, consideram os cientistas, em comunicado enviado à imprensa. Neste trabalho, os investigadores verificaram, em modelos laboratoriais, que o aminoácido tinha um papel muito importante no combate à infecção na medida que promove a activação de mediadores da inflamação. Para os cientistas, este facto, a ser confirmado em seres humanos, mostra que um dos aspectos fundamentais da nutrição reside nos níveis dos aminoácidos.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 2Média: 3.5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.