Amamentação materna pode impedir desenvolvimento de hostilidade

Estudo publicado no “Journal of Psychotherapy and Psychosomatics”

16 fevereiro 2012
  |  Partilhar:

A amamentação maternal pode evitar que as crianças desenvolvam um elevado nível de hostilidade na idade adulta, sugere um estudo publicado no “Journal of Psychotherapy and Psychosomatics”.

 

A hostilidade é um elemento da personalidade que representa o oposto da proximidade e está intimamente relacionada com vários problemas sociais e de saúde, incluindo a saúde mental.

 

Embora estudos anteriores já tenham demonstrado que a falta de carinho e de apoio paterno influenciam o desenvolvimento da hostilidade, até ao momento não haviam estudos que comprovassem o papel do aleitamento materno no desenvolvimento deste sentimento.

 

Para este estudo os investigadores da University of Helsink, na Filândia, contaram com a participação de 1.917 indivíduos cujos níveis de hostilidade foram avaliados através de três escalas, que avaliavam o nível de cinismo, paranóia e irritabilidade. Estas avaliações foram realizadas em 1992, 1997, 2001 e 2007, altura em que os participantes tinham, em média, 21,5, 26,7, 30,8 e 36,9 anos, respetivamente. A pontuação final da hostilidade teve por base os resultados encontrados nas três escalas de avaliação.

 

O estudo revelou que a maioria das mães tinha amamentado os seus filhos durante uma média de quatro meses. Em média, as mães tinham 27 anos na altura do nascimento dos seus filhos.

 

Os investigadores constataram que o nível de hostilidade na idade adulta era em média 2,53. Os níveis de cinismo e paranóia eram maiores para os homens, enquanto que as mulheres apresentavam maiores níveis de raiva.

 

As mães mais velhas tinham uma menor tendência do que as mais novas a amamentar os seus filhos, mas a duração do período de amamentação aumentava com a idade da mãe.

 

Os autores do estudo verificaram que as crianças que não foram amamentadas apresentavam níveis mais elevados de hostilidade, especialmente de cinismo e paranóia na idade adulta, em comparação com as que tinham sido amamentadas durante cerca de quatro a seis meses.

 

O estudo revelou assim que a amamentação tem efeitos prolongados na hostilidade, contudo, segundo os autores são necessários mais estudos pra compreender melhor a relação entre a amamentação e personalidade na idade adulta.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.