Algumas células do corpo neutralizam toxina do veneno de cobras

Trabalho publicado na Science

24 agosto 2006
  |  Partilhar:

 

Células que desempenham um papel chave no sistema imunitário dos mamíferos neutralizam a toxina do veneno de três espécies de cobras e de um tipo de abelhas, indica um estudo publicado na revista Science.
 

 

Especialistas nesta área pensaram durante muito tempo que a reacção do sistema imunitário à toxina do veneno amplificava os efeitos do veneno, num mecanismo semelhante ao das Alergias.
 

Mas experiências realizadas em ratinhos por uma equipa de investigadores da Stanford University, California, EUA, mostraram que os estabilizadores de membranas celulares podem neutralizar a sarafotoxina, a toxina de quatro variedades de veneno estudadas.
 

 

Para o fazer, os estabilizadores celulares, cujas reacções são responsáveis pelo Eczema, a Asma e a "Febre dos Fenos", libertam proteínas que quebram alguns dos componentes mais tóxicos do veneno.
 

 

O efeito da resposta dos estabilizadores de membranas celulares a quatro variedades de veneno "é aumentar a resistência à sua toxicidade e reduzir a mortalidade", explicou Stephen Galli, professor de patologia e principal autor do estudo.
 

 

Fonte: Diário de Notícias
 

MNI- Médicos na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.