Alefacept mostra-se eficaz para tratar Psoríase do coro cabeludo

Estudo apresentado no Journal of the American Academy of Dermatology

11 maio 2008
  |  Partilhar:

O alefacept, um modelador da resposta imunitária, mostrou-se eficaz no tratamento da Psoríase do coro cabeludo, de acordo com um estudo publicado no Journal of the American Academy of Dermatology.
 

 

O trabalho, realizado no Total Skin and Beauty Dermatology Center, em Alabama, nos EUA, avaliou a segurança e eficácia no tratamento da Psoríase do coro cabeludo em 30 adultos que receberam injecções, durante 16 semanas. No final desse período, todos os pacientes cuja Psoríase persistiu foram submetidos a um segundo período de tratamento.
 

 

Cinco dos pacientes foram tratados com êxito, apenas com uma terapia, e mais cinco superaram a doença com um segundo período de tratamento.
 

 

Depois de um ou dois períodos de tratamento, 16 mostraram 75% de melhoras num exame que tanto mede o tamanho como a gravidade da doença. Só um dos pacientes apresentou efeitos secundários no início do tratamento, tais como náuseas e mal-estar generalizado.
 

 

Para o líder da equipa de investigadores, James Krell, o estudo reforça a utilidade do fármaco tanto para o tratamento da Psoríase do coro cabeludo, como para o corpo em geral.
 

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.