Álcool mata um em cada dez europeus

Estudos apresentados na "Lancet"

01 julho 2009
  |  Partilhar:

O consumo de álcool na Europa conduz à morte de uma em cada dez pessoas, segundo dois estudos publicados na revista “Lancet”, os quais referem que, a nível mundial, a taxa é de uma morte por cada 25 habitantes.

 

A investigação, liderada por Jürgen Rehm, do Centre for Addiction and Mental Health de Toronto, aferiu que o consumo médio no mundo é de 6,2 litros de álcool por ano, o equivalente a 12 unidades por semana, sendo que uma unidade representa 10 gramas de álcool puro, dez centilitros de vinho ou 25 centilitros de cerveja.

 

Este consumo varia entre 21,5 unidades por semana na Europa, 18 unidades na América do Norte e apenas 1,3 unidades nos países do mediterrâneo oriental. De acordo com o trabalho, citado pela agência Lusa, em todas as regiões do mundo, os homens consomem mais álcool do que as mulheres. Contudo, a maioria da população mundial (45% dos homens e 65% das mulheres) "não o consume nunca".

 

De acordo com a investigação, em 2004, 3,8% das mortes (6,3% de homens e 1,1% de mulheres), ou seja, quase uma em 25 no mundo, foi atribuível ao álcool. Os números são claramente mais elevados na Europa, com 10% das mortes atribuíveis ao álcool, e 15% na Rússia, onde mais de metade dos óbitos antes dos 55 anos estão ligados ao álcool.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.