AIDS Healthcare Foundation apresenta queixa contra a Pfizer

Em causa está o fármaco sildenafil

30 janeiro 2007
  |  Partilhar:

 

A AIDS Healthcare Foundation, fundação que luta contra a Sida, anunciou na semana passada ter apresentado uma queixa contra o laboratório farmacêutico Pfizer, fabricante de um fármaco contra a Disfunção Eréctil (sildenafil), por ter uma política comercial "enganadora".
 

 

Segundo a fundação, o grupo tenta vender o seu medicamento a pessoas que não precisam e é assim culpada de "práticas ilegais, injustas e fraudulentas".
 

 

"O marketing enganador e ilegal que é feito para vender a denominada pílula azul, provocou um aumento da propagação das Doenças Sexualmente Transmissíveis, entre as quais a Sida", indica a queixa. A fundação acusa a Pfizer de manter a sua política apesar de haver "provas claras da sua ilegalidade e dos seus efeitos nefastos". O objectivo da queixa é que a Pfizer deixe de fazer as suas campanhas publicitárias como são feitas actualmente e informe os potenciais compradores dos riscos ligados à utilização de sildenafil.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI- Médicos Na Internet
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.