Agente infeccioso de Ponte de Lima não é contagioso

Investigadores procuram natureza da infecção

22 setembro 2004
  |  Partilhar:

A Direcção Geral de Saúde (DGS) ainda não determinou a natureza do agente infeccioso que vitimou mortalmente duas pessoas da freguesia de Seara, em Ponte de Lima, remetendo para breve os resultados da investigação, que decorre em conjunto com técnicos do Instituto Nacional de Saúde Ricardo Jorge, dos hospitais de Viana do Castelo e Porto e dos elementos de uma equipa especial enviada pela DSG para o terreno. «Das investigações em curso é que teremos material para determinar a natureza do problema», salientou Francisco George, da DGS, confirmando apenas que «os elementos recolhidos podem traduzir a presença de agentes microbiológicos situados entre as bactérias e os vírus e poderão ser responsáveis pela situação». O surto infeccioso da freguesia da Seara já vitimou, recorde-se, duas pessoas no espaço temporal de duas semanas e, nas unidades hospitalares de Viana do Castelo, Ponte de Lima e Porto continuam internadas seis pessoas. O surto infeccioso, caracterizado por febres altas, manchas na pele e coma, mantém ainda internadas mais cinco pessoas: em Viana, está ainda um septuagenário que se encontra em coma, duas crianças que inspiram menos cuidados; uma senhora já livre de perigo no Hospital de Ponte de Lima e, no Hospital de S. João do Porto, continua também internada, no serviço de Infectocontagiosas, uma senhora. Todos apresentam o mesmo quadro clínico que, aparentemente, não tem ainda resposta por parte das autoridades de saúde que continuam no terreno. Entretanto, nos serviços de urgência do hospital de Ponte de Lima, continua a aumentar os registos de entrada de hipotéticos casos relacionados com o surto da Seara. Fonte: Público

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.