Adesivos biológicos substituem pontos cirúrgicos

Estudo da Universidade de Coimbra

18 junho 2007
  |  Partilhar:

 

Investigadores do Departamento de Engenharia Química da Universidade de Coimbra desenvolveram uma gama de adesivos cirúrgicos biológicos que substituem os tradicionais pontos cirúrgicos.
 

 

Seguros, de fácil aplicação e financeiramente acessíveis, os adesivos biológicos têm funções analgésicas e antibacterianas, tendo os testes já efectuados mostrado "resultados extraordinariamente positivos ao nível da cicatrização", revela a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra (FCTUC) numa nota divulgada.
 

 

Segundo a coordenadora da investigação, Helena Gil, com a sua utilização, evita-se o risco de ruptura dos convencionais pontos cirúrgicos e, nos vários testes realizados, não se registaram quaisquer efeitos adversos. De acordo com Helena Gil, ao substituírem as suturas, os adesivos biológicos evitam ao doente o incómodo da deslocação ao hospital ou Centro de Saúde para retirar os pontos. "Agora, é o próprio bioadesivo que provoca a regeneração dos tecidos, isto é, obriga o organismo a trabalhar para a sua reabilitação", destaca ainda a investigadora.
 

 

Fonte: Lusa
 

MNI- Médicos Na Internet

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.