Acupuntura: estudo revela benefícios em hipertensão

Resultados publicados na “Medical Acupuncture”

18 setembro 2015
  |  Partilhar:
Pacientes hipertensos tratados apenas com acupuntura apresentaram uma queda nos valores da pressão arterial durante mais de um mês, revela um estudo divulgado na publicação científica “Medical Acupuncture”.
 
De acordo com os autores da investigação, este é o primeiro estudo científico a confirmar que esta antiga prática chinesa é benéfica no tratamento de casos de hipertensão ligeira ou moderada e que a utilização regular deste tratamento pode ajudar a controlar a pressão sanguínea, reduzindo, desta forma, o risco de enfarte ou AVC.
 
Cientistas da Universidade da Califórnia – Irvine (UCI), nos EUA, contaram com a participação de 65 indivíduos com hipertensão que não estavam a tomar qualquer medicação para a doença. Os participantes foram divididos aleatoriamente em dois grupos, um com 33 e outro com 32 pessoas. Os participantes de ambos os grupos foram sujeitos a tratamentos de eletroacupuntura – uma prática que utiliza estimulação elétrica de baixa intensidade – em diferentes locais do corpo (PC 5-6+ST 36-37 e LI 6-7+GB 37-39, respetivamente), uma vez por semana, durante oito semanas. 
 
No grupo de 33 participantes que realizou acupuntura em ambos os lados da parte interna dos pulsos e ligeiramente abaixo dos joelhos (PC 5-6+ST 36-37), detetou-se uma queda considerável dos valores da pressão arterial (uma média de 6 a 8 mmHg na pressão sistólica e 4 mmHg na pressão diastólica) em 70% dos indivíduos, tendo estas melhoras perdurado durante um mês e meio.
 
Além disso, os cientistas detetaram uma diminuição significativa nos níveis de concentração no sangue de norepinefrina (41%), responsável pela constrição dos vasos sanguíneos, aumento da pressão arterial e dos níveis de glucose; renina (67%), uma enzima produzida pelos rins que ajuda a controlar a pressão arterial; e de aldosterona (22%), uma hormona que regula os eletrólitos.
 
No grupo de 32 pacientes hipertensos que receberam o tratamento de acupuntura noutros locais no antebraço e parte inferior da perna (LI 6-7+GB 37-39) não se detetaram alterações relevantes da pressão arterial.
 
Apesar de a redução da pressão arterial no primeiro grupo ser relativamente pequena – entre 4 e 13 mmHg – os cientistas fazem notar que esta alteração foi clinicamente significativa e que a técnica de acupuntura usada pode ser especialmente útil no tratamento de pacientes hipertensos com mais de 60 anos de idade.
 
“Visto que a eletroacupuntura reduz tanto o valor máximo como a média da pressão arterial sistólica ao longo de 24 horas, esta terapia pode diminuir o risco de AVC, doença arterial periférica, insuficiência cardíaca e enfarte agudo do miocárdio em doentes hipertensos”, explicou John Longhurts, um dos autores do estudo, em comunicado da UCI. 
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Classificações: 1 Média: 4
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.