Acupunctura pode ajudar a reduzir náusea decorrente da quimioterapia

Cientistas britânicos iniciam investigação

29 junho 2009
  |  Partilhar:

Um estudo da University of Liverpool, no Reino Unido, vai avaliar se um aparelho que funciona pelos mesmos princípios da acupunctura pode ajudar a diminuir a náusea provocada pela quimioterapia.

 

Na investigação, liderada por Mari Lloyd-Williams, serão avaliados 700 pacientes provenientes de nove centros oncológicos do serviço nacional de saúde.

 

O estudo tem como objectivo verificar a eficácia clínica das pulseiras de acupressão (acupressure) na redução e controlo da náusea associada à quimioterapia.

 

A acupressão é uma técnica que segue os mesmos princípios da acupunctura.

 

Da investigação farão parte pacientes diagnosticados com diferentes tipos de cancros e que estão a ser submetidos a quimioterapia.

 

“Os pacientes classificam a náusea e o vómito entre os efeitos secundários mais stressantes da quimioterapia”, explicou à Reuters a líder da investigação, esclarecendo que esses sintomas podem contribuir para a perda da vida social, impedindo que as pessoas trabalhem, e conduzem à ansiedade e à depressão. “E, nalguns casos, os sintomas mal controlados podem levar os pacientes a optar por interromper um tratamento potencialmente curativo”, acrescentou a responsável pelo estudo.

 

De acordo com os especialistas, se os resultados dos testes forem positivos, o aparelho poderá ser utilizado para controlar esse problema sem a necessidade do uso de medicação, melhorando a qualidade de vida dos pacientes em tratamento oncológico.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.