Acupunctura pode ajudar a aliviar afrontamentos da terapia hormonal

Estudo publicado na revista “Journal of Clinical Oncology”

07 janeiro 2010
  |  Partilhar:

A acupunctura, quando comparada com a terapia medicamentosa, tem um efeito mais duradouro sobre a redução dos afrontamentos (ondas de calor) e suores nocturnos nas mulheres que recebem terapia hormonal para o tratamento do cancro da mama.

 

Este estudo, publicado na revista “Journal of Clinical Oncology”, refere ainda que as mulheres submetidas a acupunctura também relataram maiores níveis de energia e clareza de pensamento.

 

O tratamento normalmente efectuado para o cancro da mama envolve quimioterapia e terapia hormonal, que pode ser necessária durante cinco anos. Alguns dos efeitos secundários da terapia hormonal sentidos pelas mulheres consistem em afrontamentos, suores nocturnos e diminuição da libido. Estes efeitos secundários decorrentes do tratamento diminuem significativamente a qualidade de vida das mulheres, podendo conduzir ao abandono da terapêutica.

 

Estudos anteriores já tinham demonstrado que a acupunctura surte efeito na redução dos afrontamentos das mulheres menopáusicas, mas neste estudo do Henry Ford Hospital de Detroit, EUA, os investigadores quiseram avaliar se a acupunctura também poderia aliviar os sintomas decorrentes da terapia hormonal nas pacientes com cancro.

 

Foram analisadas 50 mulheres diagnosticadas com cancro da mama, distribuídas aleatoriamente para receberem tratamento de acupunctura ou farmacológico durante 12 semanas. Nas primeiras quatro semanas, as mulheres do primeiro grupo receberam tratamentos de acupunctura duas vezes por semana; no restante período de tempo, fizeram sessões de acupunctura apenas uma vez por semana.

 

O outro grupo recebeu 37,5 miligramas de venlafaxina, um antidepressivo, todas as noites durante a primeira semana e, depois, 75 miligramas por noite durante as restantes 11 semanas.
 

Ao longo das 12 semanas de tratamento, as mulheres registaram num diário o número e a severidade dos afrontamentos.

 

Ambos os grupos apresentaram uma diminuição de 50% nos afrontamentos e sintomas de depressão, mas quem foi submetido ao tratamento com acupunctura relatou efeitos mais duradouros, com o benefício de sofrer menos efeitos secundários. O grupo da venlafaxina mencionou 18 casos de efeitos secundários, que incluíram náuseas, secura da mucosa oral, tonturas e ansiedade.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.