Acidentes rodoviários mataram 1.344 pessoas em 2003

Mantém-se a tendência de descida do número de vítimas

07 janeiro 2004
  |  Partilhar:

Em 2003 morreram 1.344 pessoas nas estradas portuguesas, menos 125 do que em 2002, o que mantém a tendência de descida do número de vítimas de acidentes rodoviários, de acordo com dados da Direcção Geral de Viação (DGV).No ano passado os acidentes rodoviários provocaram menos 125 mortos, 134 feridos graves e 577 feridos ligeiros do que em 2002. Apesar disso, o número total de vítimas resultantes da sinistralidade nas estradas em 2003 fixou-se em 57 mil, tendo-se registado 1.344 mortos, 4.636 feridos graves e 51.238 feridos ligeiros, de acordo com os dados provisórios da DGV.Desde 2000 que se tem verificado uma tendência decrescente no número de acidentes rodoviários com vítimas, apesar de se ter registado em 2002 um ligeiro aumento do número de mortos (mais 0,2 por cento) relativamente ao ano anterior.Fonte: Lusa

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.