A pastilha elástica que não se cola

Cientistas descobrem polímero com múltiplas utilidades

13 julho 2005
  |  Partilhar:

 

 

Cientistas da Universidade de Bristol, no Reino Unido, inventaram uma pastilha elástica que não se cola, o que faria poupar às autoridades centenas de milhar de libras em limpezas.
 

 

Na base da descoberta está um polímero chamado «revolímero», criado por uma equipa daquela universidade dirigida por Terry Cosgrove, professor de Físico-Química. O segredo, em termos gerais, estaria na combinação de dois polímeros, um que repele a água e outro que a atrai.
 

 

O resultado, segundo os investigadores, é uma pastilha elástica que não se cola, quer esteja húmida ou seca, mas está ainda em fase de experimentação.
 

 

A invenção obteve o prémio Novo Projecto da Universidade de Bristol, no valor de 30 mil libras (49.200 euros), que permitirá a continuação das investigações.
 

 

Além desta utilização, Cosgrove garante que o novo polímero poderá ser também usado para limpar grafitos ou, em hospitais, para evitar que as bactérias adiram às luvas.
 

 

Fonte: Lusa
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.