19 toneladas de tampinhas dão prótese mioelétrica a menino

Campanha de recolha continua

25 agosto 2011
  |  Partilhar:

Um menino de dois anos, de Caminha, que nasceu sem a mão direita, testou esta semana uma mão estética e dentro de um mês já deverá ter uma prótese mioelétrica.

 

Segundo a mãe da criança, Elisabete Farinhoto, toda a operação, que será realizada numa clínica em Matosinhos e orçada em nove mil euros, será financiada por uma empresa da Póvoa de Varzim, em troca de 19 toneladas de tampinhas, recolhidas desde a Páscoa tanto em Portugal como na Galiza. “Da Galiza, chegaram duas toneladas de tampinhas e há mais duas para chegar. Foi uma adesão excepcional”, referiu à agência Lusa, Elisabete Farinhoto.

 

Esta primeira prótese terá a validade de dois anos e será depois substituída por uma outra, pelo que a campanha de recolha de tampinhas vai continuar. “Para a outra prótese, serão necessárias mais de 30 toneladas”, referiu a mãe.

 

Segundo explicou, vale todo o tipo de tampas de plástico, seja de garrafas de água, de óleo, de iogurtes líquidos, de garrafões, de detergentes ou de champô. Valem também caixas de manteiga completas, bem como todas as embalagens que tenham o símbolo da reciclagem com os números 2, 4 ou 5 dentro do triângulo.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Classificações: 1 Média: 5
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.