“Saúde mais próxima”

Misericórdia de Lisboa faz rastreiros no Sudoeste

14 agosto 2013
  |  Partilhar:

A Santa Casa da Misericórdia de Lisboa realizou mais de 1.300 rastreios à taxa de alcoolemia e 392 inquéritos de sensibilização para o cancro da pele durante a 17.ª edição do festival Sudoeste.

 

Estes dados constam de um comunicado avançado pela instituição, ao qual a agência Lusa teve acesso, que, através do programa “Saúde mais próxima”, esteve presente naquele festival com um pavilhão destinado a promover ações de sensibilização.

 

Para além dos 1.332 rastreios à taxa de alcoolemia e dos 392 inquéritos de sensibilização para o cancro da pele, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa registou ainda a inscrição de 210 pessoas para a área de voluntariado da instituição, sendo que os inscritos de fora de Lisboa serão encaminhados para outras Misericórdias portuguesas, acrescenta a mesma nota.

 

A coordenadora do programa "Saúde mais próxima" explicou à agência Lusa que a iniciativa realizada no festival Sudoeste, na Zambujeira do Mar, Odemira, “teve uma aceitação surpreendente, ninguém disse não ao programa de rastreio do cancro da pele e de álcool no sangue”.

 

Esta iniciativa apurou que 30% das pessoas testadas não apresentavam álcool no sangue e "a taxa mais alta registada foi de 3,08 gramas” de álcool por litro de sangue. Até ao sábado passado, 344 pessoas tinham respondido ao inquérito sobre cancro da pele e 1.123 pessoas tinham sido submetidas a testes de alcoolemia.

 

Os testes foram realizados por quatro enfermeiros no recinto do festival, no campismo e no canal e incidiram em indivíduos com idades compreendidas entre os 16 e os 60 anos.

 

“Sensibilizar as pessoas e ensiná-las que não devem estar sozinhas quando apresentam elevadas taxas [de alcoolemia]” foram objetivos da iniciativa.

 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentar

Comente este artigo

CAPTCHA
This question is for testing whether you are a human visitor and to prevent automated spam submissions.
Incorrecto. Tente de novo.
Escreva as palavras que vê na imagem acima. Digite os números que ouviu.