seek_upper@yahoo.com

Boa tarde.

Desde o início deste ano que tenho sentido dores no estômago que, eventualmente, se deslocaram para a zona dos intestinos. Tenho consultado o médico, que me receita vários medicamentos mas não recomenda a realização de exames.

Comecei, mesmo antes de iniciar a medicação, a sofrer de problemas na defecação (prisão de ventre, eventuais e pequenas perdas de sangue), o que contei ao meu médico. A medicação é agora outra, mas continuo sem fazer exames. As dores abdominais são menores mas o meu padrão de defecação não se regularizou.

Tenho 23 anos e, na minha família, nunca ninguém teve cancro. Será possível eu estar infectada pela doença? Estou a considerar pedir para fazer os exames, mesmo sem indicação médica. E também estou assustada. Se tiver realmente cancro, a solução é a cirurgia? As hipóteses de cura são boas? (Já li o capítulo referente a estes pontos, mas como cada caso deve ser um caso...)

Muito obrigada, desde já.

RE: seek_upper@yahoo.com

Na minha opinião deves ir imediatamente a um especialista q te irá fazer exames e indicar-te o q deves fazer. Não deixes passar + tempo. O meu pai está com um problema semelhante graças á incompetência da médica de família.
Desejo q corra tudo pelo melhor,
Cumps,
Susana.

obrigada

Obrigada, Susana :) É o que vou fazer, em princípio na próxima semana.

O que eu acho estranho é já ter consultado por duas vezes o mesmo especialista (não é médico de família, mas sim gastroenterologista) e ele não considerar haver motivo para alarme...

Também tenho pena de não ter obtido qualquer outra resposta, aqui no site :( Muito boa sorte para o seu Pai.

L.I.

RE: RE: obrigada

Susana,

muito obrigada pela ajuda :) Espero sinceramente que o seu Pai recupere de forma rápida, o que acredito vá acontecer.

Muito boa sorte,
L.I.
PS: Vou fazer os exames, de qualquer maneira!...

RE: obrigada

Se já foste a um especialista fizeste bem, mas é sp bom ouvir outra opinião. Boa Sorte!

Ontem estive a ler as questões do link BEM VINDO e parece-me ver lá um caso + ou - como o teu (da Ana Lourenço). Sugiro q leias essas msg.
Eu voltarei brevemente por isso se tiveres alguma dúvida q eu possa responder, é só dizeres.

Obrigada,
Susana.