Notícias

Notícias para comentar relativas a alergias:

O Riso é o melhor remédio

13 de Fevereiro, 2001

Um estudo realizado recentemente mostrou que o riso pode aliviar as reacções alérgicas.

Este estudo foi realizado pelo Dr. Kimata, japonês, que induziu reacções alérgicas a 26 pessoas com dermatites alérgicas, expondo-as a micróbios do pó, pólen e pêlos de gato.

Em seguida foi apresentado às pessoas um filme cómico de Charlie Chaplin, “Modern Times”.

O investigador observou que as pessoas apresentaram uma redução significativa da reacção alérgica depois de terem visto o filme, efeito que se manteve até 4 horas após a exibição.

Em contrapartida, não houve alteração na reacção alérgica após o grupo ter assistido a um documentário nada cómico de 87 minutos, sobre o estado do tempo.

Um investigador norte-americano analisou estes resultados com algum cepticismo. Afirma que, sem duvidar que o riso tem um efeito benéfico geral, há que ter em atenção a reacção alérgica em si.

Fonte: Reuters Health

Faltam especialistas para as doenças alérgicas

17 Junho, 2000

É reduzido o número de especialistas a exercer na área de doenças alérgicas, tal
como é insuficiente a formação dos clínicos gerais na matéria, revela o Livro Branco
sobre Imunoalergologia, a lançar segunda-feira.
O livro, da autoria da Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica
(SPAIC), relata ainda o aumento das doenças
alérgicas, como a asma e a rinite alérgica, quando a resposta dos serviços de saúde
sofre de carências e da ausência de um programa organizado de controlo.
Alertar as autoridades oficiais para a gravidade desta situação é assim um dos
objectivos do Livro Branco.

Fonte: http://www.lusa.pt

RE: O Riso é o melhor remédio

A medicina tem um grave problema: vê as coisas por partes.

Claro que o riso
alivia as alergias.Porquê? Porque as pessoas não estão preocupadas com o
problema, estão a divertir-se, a viver. Como explicar os efeitos placebo? Como
explicar tratamentos holísticos?...Hum...

Muita coisa está mal na medicina,
a meu ver, neste sentido.

Saudações cordiais,

jonnie

Princípio utilizado no Viagra...

O mesmo princípio que permite que a pílula Viagra trate dos problemas de impotência sexual masculina poderá vir a ser utilizado para curar diabetes ou alergias, explicaram hoje investigadores norte-americanos.

Joseph Bravo, professor da Farmacologia da Escola de Medicina da Universidade do Estado de Washington, explica que, para ajudar a provocar a erecção, o Viagra liberta, sem efeitos secundários, inibidores das hormonas PDE, as mesmas que influenciam as alergias e os diabetes.

O investigador afirmou ainda que o êxito do tratamento através do Viagra, o fármaco mais vendido nos EUA, está a estimular o estudo dos inibidores PDE pelas empresas farmacêuticas.

Fonte: Lusa

DERMATITE ATOPICA: UM DEPOIMENTO

Oi!
Meu nome eh Irene e gostaria de dividir com voces minha experiencia como portadora de eczema atopico por alguns anos.
Primeiro um breve historico da minha pele: quando crianca tive impetigo e coceiras as quais meu pediatra me receitava Diprosone e sabonete oilatum. Utilizei por alguns anos, com o tempo a doenca foi embora.
EM 1997 (21 anos) devido a stress (?) desenvolvi uma forma de eczema atopico muito severa que me rendeu muitos problemas sociais.
Para transformar uma historia longa em curta devo dizer que atraves de pesquisa pessoal e medicacao de um antibiotico que posso fornecer o nome mais tarde, devo dizer que melhorei totalmente. Devo dizer ainda, que ate hoje quando vou ao Rio de Janeiro, tenho que ficar vigilante, pois o calor eh um fator fundamentall alem de livros poeirentos e unhas sujas.
Um remedio que eu consegui na Nova Zelandia, que na verdade eh uma formulacao natural e o Skin Soothe Lotion 528 (Malcom Harker MHD). A formula eh leve e refrescante. Eu lamento nao ter sido permitido eu receber cortisona oral. Eu tinha uma dose de 3000 IGEs quando a relacao normal eh de 300. Enfim, se a pessoa sofre com o calor, nao ha nada melhor que se mudar para um lugar mais frio. Muitas vezes, esta possibilidade nao existe, entao trata-se de ter tempo para encarar a condicao, e buscar uma saida. Nao por toda a responsabilidade no medico. Por mais que o meu medico tenha tentado, foi em ultima analise o antibiotico americano recomendado especificamente para doencas de pele, que me fez melhorar incrivelmente. Evitar assaduras, roupas pesadas... A gente quando tem uma condicao destas quer esconder, entao eh como se fosse um circulo vicioso. Acumputura eh um otimo remedio para acalmar tensoes, eu tambem recorri. E psicoanalise tambem. Muitas pessoas nao tem condicoes financeiras para tantos recursos, o que eh uma pena. Eu sofri bastante e me recuperei desta terrivel doenca e estou a disposicao para ajudar e conversar com pessoas que ainda nao conseguiram melhorar.
BOA SORTE, e se lembre: VOCE( O PACIENTE) EH O MAIS INTERESSADO NA MELHORA.

Doenças alérgicas prevenidas por exposição a micró

9 de Abril, 2001

Investigadores finlandeses mostraram que o contacto com uma bactéria específica benigna, presente naturalmente no nosso intestino, nos primeiros tempos de vida, pode prevenir eczema e asma em crianças.

Esta descoberta sugere que a flora bacteriana é importante na modulação do sistema imunológico no início da vida, uma vez que parece prevenir doenças atópicas. É sabido que a flora microbiana intestinal promove uma série de processos imunológicos. Sabe-se também que o contacto entre a flora microbriana e o sistema imunológico se dá logo à nascença e parece ser importante na modulação do sistema imunológico.

Os cientistas expuseram bebés de grupos de risco (com doenças atópicas ou alérgicas na família) durante os períodos pré- e pós-natal a doses extra de lactobacillus rhamnosus, uma bactéria segura e habitante natural do tracto gastrointestinal, que já demonstrou ser eficaz no tratamento de inflamação alérgica e alergia alimentar.

Assim, um grupo de futuras mães receberam cápsulas contendo a bactéria e outro tomou um placebo que sabor, cheiro e aspecto semelhantes. Após o nascimento, as mães continuaram a tomar as cápsulas durante 6 meses para que os bebés recebessem o tratamento através do leite materno.

A ocorrência de eczema atópico no grupo que tomou a bactéria foi metade (23%) da registada no grupo placebo (43%).

Esta descoberta vem, em conjunto com outras, negar a hipótese higiénica, que afirma que uma redução da exposição microbiana no início da vida reduz a ocorrência de doenças atópicas. Estas doenças são características das sociedades desenvolvidas e este grupo de investigadores sugere que, ao contrário daquela hipótese, e como já outros estudos o demonstraram, a excessiva esterilidade no início de vida promove o aparecimento destas doenças.

Os investigadores sugerem que o uso de micróbios naturais ao organismo pode ser uma arma eficaz no tratamento de doenças alérgicas, crescentes em países desenvolvidos.

Adaptado por
Helder Cunha Pereira
MNI - Médicos Na Internet

Fonte: The lancet

RE: Doenças alérgicas prevenidas por exposição a micró

Nào é preciso uma pesquisa deste calibre para confirmar a hipótese. Sou bioquímica e sofro destas alergias por hipercuidados de minha mãe na infância. Meu pai já notou isso com os bezerros que lele cria, ele é pecuarista. Não somente o colostro é bom para a ativação do sist. imune como tb deixá-los pegar verminoses e outras doenças, observando a reação sem remédios. Eles adquirem resistência em relação aos tratadso com anti- parasitários. Medicamentos, só em último caso!!!!

alergias

gostaria de saber se giardiase intestinal pode causar alergias pelo corpo, vermelhidão e coceira?

RE: DERMATITE ATOPICA: UM DEPOIMENTO

irene voce poderia dar mais informaçoes sobre esse anti biotico?

RE: RE: DERMATITE ATOPICA: UM DEPOIMENTO

Se fôr uma pessoa que se considere inteligente, verifica que os antibioticos só devem ser utilizados na ultima circuntância, se quizer resolver qualquer tipo de disturbio metabólico consulte mundoalimentar.blogspot.com.
Senão repare, como acha que os cosmonautas fazem a sua alimentação e só utilizam um quimico no tipo de acidente IV ?

Página 1 de 2