Notícias

3 de Junho de 2000

Mais creches para combater mortalidade infantil a partir dos dois anos

A mortalidade infantil em Portugal no primeiro ano de vida é
uma das mais baixas da Europa, mas dispara a partir dos dois anos
tornando-se, então, numa das mais altas do continente europeu.
Por essa razão, Teresa Rosmaninho, presidente da PUERI, uma
associação que visa a promoção da saúde mental da criança e do
jovem, defendeu hoje que Portugal carece de creches e amas
acreditadas.
Ao encerrar os trabalhos da conferência sobre «Violência e
Promoção da Saúde Mental da Criança e do Jovem», Teresa
Rosmaninho argumentou que o aumento de creches e amas acreditadas
poderia fazer reverter a taxa de natalidade.

Mais: www.lusa.pt

Bebé encontrada congelada está a recuperar bem

A bebé de treze meses encontrada sábado completamente congelada em Edmonton, no Canadá, que esteve várias horas clinicamente morta, está a recuperar de forma fabulosa, informaram ontem os médicos do Hospital de Alberta.

Os neurologistas do hospital indicaram, como sinal da espantosa recuperação, o facto de a bebé estar a utilizar com a mãe as poucas palavras que conhecia antes do acidente, sublinhando a possibilidade de a criança não ter sofrido danos cerebrais.

Os médicos adiantaram ainda que será necessário esperar várias semanas para se saber se haverá a necessidade de amputar os dedos das mãos e dos pés devido aos danos causados pela congelação.

Na sexta-feira à noite, a bebé saiu de casa, apenas com uma fralda vestida, tendo passado quatro horas sobre a neve, onde as temperaturas rondavam os 20 graus negativos.

Fonte: Lusa

Bebé de 2 anos encontrado regelado...

A criança, de sexo masculino, escapou de casa na madrugada de ontem e foi encontrada horas depois pelo pai caída sobre neve a cerca de quinze metros da residência. A temperatura exterior era na altura de cerca de 18 graus negativos.

O rapaz, Les Hynek, estava inconsciente e não respirava, tendo sido transportado de urgência para o hospital, onde se encontra em estado crítico.

Segundo uma fonte policial, Les e dois irmãos tinham estado com o pai no celeiro da quinta até cerca das 02:30. O pai adormeceu cerca das 03:00 horas e só descobriu que o filho estava desaparecido quando acordou às 06:40, adiantou a fonte.

Fonte: Lusa