Ciclismo e problemas da próstata

O facto de se praticar ciclismo pode potenciar problemas na próstata e na área genital?

RE: Ciclismo e problemas da próstata

Não está definitivamente provado que o ciclismo seja uma fonte de patologia prostática ou de outro órgão da esfera genital masculina. Contudo, há alguns trabalhos que sugerem que o ciclismo pode facilitar determinadas patologias, tais como a impotência. No entanto, a minha opinião é que deve a continuar a fazer ciclismo

RE: Ciclismo e problemas da próstata

A prática do ciclismo parece não provocar doenças prostáticas, mas pode induzir uma elevação do PSA, podendo levantar alguns problemas ao médico na abordagem diagnóstica de um doente (o PSA é uma análise sanguinea usada para diagnóstico precoce do cancro da próstata). Pode estar falsamente elevada devido à prática do ciclismo, devendo a análise ser repetida após um período sem prática de ciclismo (+/- duas semanas).

RE: Ciclismo e problemas da próstata

Não há dados conclusivos que apontem para uma relação directa entre ciclismo e patologia prostática, contudo esta prática desportiva pode desencadear sintomas urinários, pélvicos e perineais muitas vezes sobreponíveis a sintomas de doença prostática.
Em doentes com patologia inflamatória da próstata não aconselhamos a prática de ciclismo pois os sintomas ficam agravados.

Pedro Roque escreveu:
-------------------------------
O facto de se praticar ciclismo pode potenciar problemas na próstata e na área genital?