Primeiro medicamento para emagrecer sem receita médica

FDA dá aprovação

20 junho 2007
  |  Partilhar:

 

A Food and Drug Administration (FDA) dos EUA aprovou a comercialização do primeiro fármaco sem receita médica destinado a promover o emagrecimento.
 

Segundo a empresa farmacêutica GlaxoSmithKline, o fármaco, que à venda desde 15 de Junho, é indicado para adultos com excesso de peso e a toma deve ser acompanhada por uma dieta baixa em calorias e gorduras.
 

 

“Não é a pílula mágica”, disse a nutricionista porto-riquenha Sylvia Meléndez-Klinger, em entrevista à EFE, acrescentando que dará um “empurrãozinho” na perda de peso e na prevenção de problemas de saúde derivados da Obesidade como a Diabetes, o Colesterol ou a Hipertensão.
 

 

A mesma especialista disse ser necessário ajudar as pessoas a perder peso e este fármaco, segundo os estudos da FDA, mostra ser eficaz e seguro, uma vez que foi aprovado para venda sem receita médica por esta entidade.
 

 

A venda sem receita médica demonstra, segundo Sylvia Meléndez-Klinger, que o fármaco só vai actuar no intestino e não tem efeitos no coração ou no sistema nervoso, ao contraio dos fármacos que necessitam de prescrição médica.
 

 

O fármaco deve ser tomado três vezes ao dia com as refeições para bloquear 25% da gordura dos alimentos, explicou a empresa. Combinado com uma dieta rigorosa e um estilo de vida saudável, estes comprimidos podem ajudar na redução de 50% do peso.
 

 

Fontes: Lusa e Imprensa Internacional
 

MNI- Médicos na Internet

Partilhar:
Classificações: 3Média: 3
Comentários 13 Comentário