IPO/Porto integra rede europeia de vigilância em inovação para melhorar tratamentos

Instituição iniciou parceria com o European Oncology Evidence Network

28 setembro 2018
  |  Partilhar:
O Instituto Português de Oncologia (IPO) do Porto integra uma rede de estudos científicos no domínio dos dados reais (RWE) com o objetivo de aumentar a qualidade dos cuidados de saúde, adiantou a instituição.
 
Ao firmar uma parceria com o European Oncology Evidence Network (E-OEN) para integrar uma rede de estudos científicos no domínio dos dados reais em conjunto com os principais centros de oncologia da Europa, o IPO do Porto vai poder analisar resultados com dados reais e aplicar melhorias no tratamento dos doentes, apurou a agência Lusa.
 
“O objetivo passa por aumentar a qualidade dos cuidados de saúde que se presta aos doentes através de projetos de investigação que possam trazer melhores resultados em saúde e mais eficiência”, frisou.
 
No futuro, além da disponibilização de mais e melhor conhecimento sobre os resultados, será possível usar a RWE para envolver mais doentes nos processos de decisão e desenvolver competências em Portugal na área de “data science” aplicado em saúde.
 
O instituto de oncologia foi selecionado após uma auditoria técnica realizada em 2017, em que a E-OEN conclui que reunia todas as competências necessárias para integrar esta rede internacional, nomeadamente ao nível do sistema organizativo, da qualidade dos registos clínicos, da gestão da informação e dos sistemas que a apoiam e do seu modelo operacional.
 
A análise de controlo de gestão e de custos em saúde já é realizada pelo IPO do Porto através do “Outcomes Research Lab”, um departamento do Instituto que analisa gestão de custos versus resultados para os doentes.
 
“O potencial do RWE em gerar valor para os doentes e para os sistemas de saúde é contingente à capacidade de acesso a base de dados de qualidade, diversificada e extensa”, explicou o presidente do IPO do Porto, Laranja Pontes, citado na nota.
 
A E-OEN é uma rede colaborativa de alguns dos principais centros de oncologia da Europa que pretende realizar estudos científicos no domínio dos dados reais.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentário