Atividade física pode proteger crianças da depressão

Estudo publicado na revista “Pediatrics"

06 fevereiro 2017
  |  Partilhar:

As crianças que são fisicamente mais ativas podem beneficiar de uma maior proteção contra a depressão, atesta um estudo publicado na revista “Pediatrics”.
 

O estudo, conduzido por uma equipa de investigadores da Norwegian University of Science and Technology (NTNU) e da NTNU Social Research, Noruega, contou com a participação de 800 crianças com o objetivo de procurar uma correlação entre atividade física e sintomas de depressão.
 

Para o estudo, a equipa analisou cerca de 800 crianças com seis anos de idade, das quais 700 foram novamente avaliadas aos oito e 10 anos de idade. A atividade física das crianças foi medida com acelerómetros e os pais foram entrevistados relativamente à saúde mental dos filhos.
 

Foi observado que as crianças de seis e oito anos que eram fisicamente ativas apresentavam menos sintomas de depressão quando foram analisadas dois anos após o exame inicial, o que parece sugerir que a atividade física oferece proteção contra o desenvolvimento de estados depressivos.
 

Tonje Zahl, autora principal do estudo, observou que o facto de se “ser ativo, suar, e brincar de forma mais brusca e ativa oferece mais do que benefícios físicos para a saúde”.
 

Foram igualmente estudadas crianças no sentido de apurar se as que apresentam sintomas de depressão se tornavam fisicamente menos ativas ao longo do tempo, mas tal não foi verificado.
 

A investigadora adianta ainda que os resultados do estudo são importantes pois poderão sugerir que a atividade física pode ser empregue na prevenção e tratamento da depressão em crianças.
 

Estudos anteriores demonstraram que um estilo de vida sedentário, como jogar videojogos ou ver TV, está associado à depressão mas o presente estudo não encontrou uma correlação entre a depressão e um estilo de vida sedentário.
 

Sendo assim, os pais e profissionais de saúde devem motivar a atividade física nas crianças, como brincar ao ar livre, jogar futebol ou andar de bicicleta.
 

ALERT Life Sciences Computing, S.A.
 

Partilhar:
Ainda não foi classificado
Comentários 0 Comentário