Estudo publicado na revista “Scientific Reports”

Um novo estudo demonstrou que o tabagismo efetivamente acelera o envelhecimento. 
 
Conduzido por uma equipa de investigadores da empresa de biotecnologia e inteligência artificial norte-americana Insilico Medicine, o estudo empregou aprendizagem profunda na área da bioquímica para determinar, com precisão, a idade biológica de fumadores e prever a frequência e efeitos do tabagismo.
 

Estudo publicado na revista “JAMA Network Open”

Estudo publicado na “American Journal of Epidemiology”

Alerta da Sociedade Portuguesa de Gastroenterologia

A sociedade “não precisa de mais um fardo"